Filho do Deus Vivo, Chaves do Reino e Autoridade da Igreja

Outro dia, participei de um culto em que fui muito edificado pela Palavra de Deus com base em Mateus 16:13-19, ministrada pelo pastor Miquéias Oliveira, um homem de Deus habilitado sobre mundo espiritual e batalha espiritual por princípios bíblicos.

Mateus 16:13-19
13 Indo Jesus para os lados de Cesaréia de Filipe, perguntou a seus discípulos: Quem diz o povo ser o Filho do Homem?
14 E eles responderam: Uns dizem: João Batista; outros: Elias; e outros: Jeremias ou algum dos profetas.
15 Mas vós, continuou ele, quem dizeis que eu sou?
16 Respondendo Simão Pedro, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo.
17 Então, Jesus lhe afirmou: Bem-aventurado és, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelaram, mas meu Pai, que está nos céus.
18 Também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela.
19 Dar-te-ei as chaves do reino dos céus; o que ligares na terra terá sido ligado nos céus; e o que desligares na terra terá sido desligado nos céus.

 

Filho do Deus Vivo, Chaves do Reino e Autoridade da Igreja

 

Lembramos muito deste texto bíblico em referência à revelação divina a Pedro sobre quem era Jesus, quando o Senhor pergunta: “– Quem dizeis que eu sou?” e Pedro respondeu: “– Tu és o Cristo, Filho do Deus vivo!“.

Há até o louvor Filho do Deus Vivo, da Nívea Soares, que gosto muito.

Mas o enfoque que o Senhor nos ministrou através do pastor Miquéias foi sobre confrontar a afronta no mundo espiritual.

Como de costume, levei caderno e caneta para fazer minhas anotações que quero compartilhar com você. Aliás, sugiro que você sempre leve um caderno e uma caneta quando for ministrado na Palavra de Deus.

Minhas Anotações Sobre a Mensagem

Claro que existe muito a se falar sobre este texto de Mateus 16:13-20, seja no contexto histórico, geográfico, político, religioso e espiritual. Mas quero compartilhar apenas as minhas anotações sobre a Palavra de Deus ministrada naquele dia.

# Cesaréia de Filipe foi uma homenagem ao imperador romano César Augusto, construída por Herodes Filipe. O pai de Herodes Filipe era aquele Herodes da época do nascimento de Jesus.

# Cesaréia de Filipe era conhecida como “portas do inferno”. Historicamente era local de feitiçaria e bruxaria pelos caldeus e outros povos no passado.

# Os judeus não ousavam passar por lá porque era uma afronta aos filhos legítimos da terra (homenagem romana no território judeu) e uma afronta espiritual (portas do inferno).

# Jesus estava indo na direção do confronto à afronta.

# A afronta está diante de nós, mesmo sem percebermos.

# Os discípulos não queriam ir para as “portas do inferno”, mas aquela caminhada com Jesus os tornaria mais fortes.

# Diante da afronta, tapar nossa visão e nossa audição é o objetivo do inferno. Seria natural os discípulos enxergarem e ouvirem a afronta.

# Assim como os discípulos ouviram Jesus conversando com eles, nós precisamos reverberar o nome e a voz de Jesus ao invés da voz da afronta.

# Cesaréia de Filipe era local de feitiçaria, quando Jesus caminha para lá com os discípulos, ele toma de volta a legalidade no mundo espiritual daquele território.

# Jesus pergunta quem Ele era e Pedro, por revelação de Deus, declara o chamado e a constituição de Jesus. No dia da afronta, tem revelação de Deus para nós. Também precisamos ficar firmes e não negociar nosso chamado e a nossa promessa.

# Cesaréia de Filipe foi construída na cabeceira do rio Jordão, ao pé do monte Hermon. Era o local mais rápido para se chegar ao monte onde aconteceria a transfiguração de Jesus.

Mateus 17:1-8
1 Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro e aos irmãos Tiago e João e os levou, em particular, a um alto monte.
2 E foi transfigurado diante deles; o seu rosto resplandecia como o sol, e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz.
3 E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele.
4 Então, disse Pedro a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres, farei aqui três tendas; uma será tua, outra para Moisés, outra para Elias.
5 Falava ele ainda, quando uma nuvem luminosa os envolveu; e eis, vindo da nuvem, uma voz que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo; a ele ouvi.
6 Ouvindo-a os discípulos, caíram de bruços, tomados de grande medo.
7 Aproximando-se deles, tocou-lhes Jesus, dizendo: Erguei-vos e não temais!
8 Então, eles, levantando os olhos, a ninguém viram, senão Jesus.

# O caminho mais rápido para a manifestação da glória de Deus é a batalha, é o confronto à afronta.

# Deus permite a afronta para o mundo espiritual conhecer o nível da autoridade que Deus nos dá.

# Na afronta, reproduzimos o que vemos, não o que ouvimos. Pedro ouviu a revelação de Deus e a reproduziu.

# Na afronta, tem promoção: de Simão a Pedro, pedra, partícula da Rocha, do próprio Jesus, colocado na posição de pastor da Igreja de Cristo.

# A promoção de Pedro foi naquele momento de afronta, mas a manifestação dessa promoção só aconteceu tempos depois em Atos, na cruzada em que 3 mil se converteram.

“Então, os que lhe aceitaram a palavra foram batizados, havendo um acréscimo naquele dia de quase três mil pessoas.” Atos 2:41

Ou seja, segura firme porque Deus está te promovendo na afronta e pode ser que você não veja ainda nada acontecer.

# Assim como fez com Pedro e João em Atos 3, Deus não quer levantar no tempo da afronta uma geração de ouro e prata (ainda que Ele nos dê bens materiais), mas o Senhor quer levantar uma geração que traz o espiritual para terra (levanta e anda).

“Pedro, porém, lhe disse: Não possuo nem prata nem ouro, mas o que tenho, isso te dou: em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, anda!” Atos 3:6

# No dia da afronta, Deus nos dará as chaves do mundo espiritual e o futuro vai se encarregar de nos lembrar, assim como aconteceu quando Pedro foi livre da prisão.

“Levantando-se, porém, o sumo sacerdote e todos os que estavam com ele, isto é, a seita dos saduceus, tomaram-se de inveja, prenderam os apóstolos e os recolheram à prisão pública. Mas, de noite, um anjo do Senhor abriu as portas do cárcere e, conduzindo-os para fora, lhes disse: Ide e, apresentando-vos no templo, dizei ao povo todas as palavras desta Vida. Tendo ouvido isto, logo ao romper do dia, entraram no templo e ensinavam. Chegando, porém, o sumo sacerdote e os que com ele estavam, convocaram o Sinédrio e todo o senado dos filhos de Israel e mandaram buscá-los no cárcere. Mas os guardas, indo, não os acharam no cárcere; e, tendo voltado, relataram, dizendo: Achamos o cárcere fechado com toda a segurança e as sentinelas nos seus postos junto às portas; mas, abrindo-as, a ninguém encontramos dentro.” Atos 5:17-23

As anotações param aqui.

Não sei se você enxergou isto, mas fica muito claro que quando Jesus declara que as portas do inferno não prevaleceriam sobre a igreja, Ele estava declarando que a afronta espiritual, a Cesaréia de Filipe, não prevaleceria contra nós.

Naquele momento, com Jesus e os discípulos confrontando a afronta, estava declarada a autoridade da Igreja de Cristo no mundo espiritual.

Sobre o Pastor Miquéias de Oliveira

Eu fui muito edificado por esta mensagem ministrada pelo pastor Miquéias de Oliveira.

Eu o conheci através do treinamento Batalha Espiritual por Princípios Bíblicos, onde ele ensina como entrar na batalha invisível, utilizando uma visão centrada na Bíblia, tendo como referência Jesus Cristo, o nosso Senhor e Salvador.

O pastor Miquéias Oliveira é fundador e Pastor Sênior do Ministério Terra da Conquista, conferencista internacional.

Como pastor e profeta tem realizado várias conferências e seminários em diversas igrejas dentro e fora do Brasil, edificando a Igreja de Jesus, capacitando guerreiros para a batalha.

Este curso online sobre batalha espiritual tem por objetivo nos ensinar a identificar as mais variadas estratégias de satanás para destruir o ser humano.

E, conhecendo estas estratégias, podermos vencê-lo usando armas apropriadas ensinadas por Deus em sua Palavra.

E o que é muito interessante é a visão do pastor Miquéias de que não haverá sentido na batalha espiritual se o fim de cada batalha não resultar em salvação de almas ao Reino de Deus.

Que o Senhor te abençoe e te guarde! Que Ele te conduza e governe a sua vida! Você tem acesso!

Comente abaixo o que achou sobre as anotações que fiz sobre a mensagem. Compartilhe com seus amigos! 🙂

5 (100%) 1 voto

Aprenda Como RENOVAR SUA VIDA ESPIRITUAL Com 3 Princípios Bíblicos SIMPLES e PODEROSOS

Geraldo Augusto

Filho de Deus, amigo do Espírito Santo, discípulo de Cristo, marido, pai, servo, pastor, designer, desenvolvedor e empreendedor digital.

Website: http://vocetemacesso.com.br/

2 Comentários

  1. Edna Fernandes

    Muito edificante sou uma membra nova na vida com Jesus e gosto muito de aprender cada vez mais sobre a Bíblia e da vida de Jesus.

    • Olá, Edna! Que bom que você foi edificada! 🙂 Que eu possa te servir te ajudando a crescer espiritualmente. Conte comigo!

      Que o Senhor te abençoe e te guarde! Que Ele te conduza e governe sua vida! Você tem acesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge